Justiça

Justiça condena manifestantes bolsonaristas que protestaram em frente à casa de Moraes

Os dois réus foram condenados a 19 dias de prisão em regime aberto por perturbação de sossego

Nomeado por Temer, Moraes ainda precisa ser aprovado pelo Senado
Nomeado por Temer, Moraes ainda precisa ser aprovado pelo Senado
Apoie Siga-nos no

A Justiça de São Paulo condenou dois dos manifestantes alinhados ao presidente Jair Bolsonaro que realizaram um protesto em frente à residência do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal. 

Conforme a denúncia apresentada pelo Ministério Público, o grupo, liderado por Antônio Calor Bronzeri e Jurandir Pereira Alencar, usaram um carro de som e, por mais de duas horas, estiveram na porta do prédio residencial, atrapalhando o sossego do ministro e dos demais moradores da região. 

Segundo as declarações das testemunhas, os réus xingaram o ministro de “advogado do PCC”, “sem vergonha”, “pilantra”, “canalha”, “lixo”, “vagabundo”, “ladrão”, “traidor”. Também prometeram defenestrar a vítima e sua família.

A defesa dos bolsonaristas alegou que a confusão foi iniciada pelo ministro, que, da sacada do apartamento, teria proferido ofensas contra os manifestantes. 

Os dois manifestantes foram condenados a 19 dias de prisão, em regime aberto, por perturbação de sossego.

Na sentença, o magistrado ressaltou que os seus desmereceram à Justiça ao descumprirem as medidas cautelares impostas, demonstrando conduta voltada à prática delituosa. 

As penas ainda foram aumentadas, visto que os atos foram praticados durante estado de calamidade pública causada pela Covid-19. 

Marina Verenicz
Repórter do site de CartaCapital

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.