Menalton Braff - Página 10 de 10 - CartaCapital

Carta Capital

Menalton Braff

A culpa não é minha

A culpa não é minha

Liberdade todos nós queremos, mas ela não existe sem responsabilidade. Nos julgamos livres, muitas vezes, mas nada mais somos que presa fácil do hedonismo

Por CartaCapital | 02.12.2013 11h37
Um rato na biblioteca

Um rato na biblioteca

Nunca mais consegui passar por uma biblioteca sem fazer uma reverência. Lugar sagrado, tabernáculo de conhecimento e beleza

Por CartaCapital | 25.11.2013 12h36
Itinerante

Itinerante

É preciso que se trabalhe na escola a ideia de que a biblioteca não pode ser associada à ideia de castigo

Por CartaCapital | 18.11.2013 14h07
Navegar é preciso

Navegar é preciso

Em minha palestra em Iguape, tentei mostrar que literatura não é entretenimento. Não sei se consegui. Por Menalton Braff

Por CartaCapital | 07.11.2013 10h18
Pisotearam as flores do seu jardim

Pisotearam as flores do seu jardim

O que vem acontecendo no mundo me fez lembrar de um texto cuja autoria, sem muita certeza, atribuo a Eduardo Alves da Costa

Por CartaCapital | 14.10.2013 15h37
Uma cena banal

Uma cena banal

Schopenhauer tem razão: a felicidade não existe senão em gotas. Por Menalton Braff

Por CartaCapital | 07.10.2013 13h14
Nem tudo que vem do céu

Nem tudo que vem do céu

Benditas sois vós, pombas de minha cidade, que ainda podeis ensinar-nos muitas lições sobre a vida

Por CartaCapital | 22.09.2013 10h10
Felicidade clandestina

Felicidade clandestina

A literatura é um grande diálogo em que se tem de enfrentar vozes. A Clarice Lispector tomava muito cuidado com as palavras porque sabia que engendram vidas

Por CartaCapital | 20.08.2013 13h08
Fora do eixo literário

Fora do eixo literário

Apesar da ideia de que pouco se faz fora de São Paulo e Rio, Porto Alegre, Curitiba, Belém e Campo Grande têm produção literária intensa. Por Menalton Braff

Por CartaCapital | 28.07.2013 13h45