Política

Roberto Jefferson: Lula diz que Bolsonaro incentiva ‘parcela raivosa’ que reage como o ex-deputado

O ex-deputado resistiu a ordem de prisão emitida pelo STF e trocou tiros com a Polícia Federal

Foto: Reprodução
Apoie Siga-nos no

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) comentou o episódio envolvendo o ex-deputado federal Roberto Jefferson, que atirou contra agentes da Polícia Federal que cumpriam decisão judicial em sua casa neste domingo 23. 

O candidato à Presidência da República disse que a reação do ex-parlamentar a uma ordem de prisão emitida pelo Supremo Tribunal Federal “não é um comportamento adequado, nem normal”. 

Para ele, a reação de Jefferson teria sido motivada pela criação de uma “parcela raivosa da sociedade brasileira” incentivada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL). 

“Já disputamos tantas eleições neste país e nunca vimos uma aberração dessa, uma cretinice dessa, que esse cidadão, que é o meu adversário, estabeleceu no país. Conseguiu criar neste país uma parcela da sociedade brasileira raivosa, com ódio, mentirosa, que espalha fake news o dia inteiro, sem se importar se o filho está vendo ou não. É um desrespeito com a população. Isso gera comportamentos como o do ex-deputado Roberto Jefferson”, afirmou Lula.

O ex-parlamentar estava cumprindo prisão domiciliar e estava impedido por medida cautelar de utilizar as redes sociais. 

ENTENDA MAIS SOBRE: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Os Brasis divididos pelo bolsonarismo vivem, pensam e se informam em universos paralelos. A vitória de Lula nos dá, finalmente, perspectivas de retomada da vida em um país minimamente normal. Essa reconstrução, porém, será difícil e demorada. E seu apoio, leitor, é ainda mais fundamental.

Portanto, se você é daqueles brasileiros que ainda valorizam e acreditam no bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo