Política

assine e leia

A semana: Judiciário/ Respeitável público…

O STF multa Daniel Silveira por espetáculo circense após perdão presidencial

Silveira terá de pagar multa de 405 mil reais - Imagem: Lucas Neves/Enquadrar/Estadão Conteúdo
Silveira terá de pagar multa de 405 mil reais - Imagem: Lucas Neves/Enquadrar/Estadão Conteúdo
Apoie Siga-nos no

Agraciado com um “indulto ­prévio” de Jair Bolsonaro, antes mesmo do trânsito em julgado da sentença que o condenou a 9 anos e 8 meses de prisão por ataques às instituições democráticas e ameaças aos juízes do Supremo Tribunal Federal, o deputado federal Daniel Silveira apressou-se ao se livrar da tornozeleira eletrônica e participar de atos públicos, violando as medidas cautelares impostas contra ele. Como punição, o ministro Alexandre de Moraes determinou que o parlamentar pague 405 mil reais. Além da multa, o magistrado ordenou o bloqueio de bens nesse valor nas contas do parlamentar e abriu um inquérito por desobediência.

Enquanto Silveira continua a debochar da Justiça, participando de atos na companhia de um clone brasileiro de Jake Angeli, o ativista com chifres de búfalo que roubou a cena no motim de apoiadores de Donald Trump no Capitólio, sede do Legislativo dos EUA, a colega Carla Zambelli apresentou um projeto de lei para conceder anistia ampla e irrestrita a todos os que tenham praticado crimes de natureza política de janeiro de 2019, início do governo Bolsonaro, até o dia em que o presidente concedeu indulto a Silveira. Antes disso, enquanto o colega se recusava a usar tornozeleira eletrônica e buscou refúgio na Câmara para escapar do alcance da Polícia Federal, Zambelli chegou a levar travesseiros e água gelada para o camping do deputado.

Va-ga-bun-do!

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.