Mundo

Combater terrorismo não significa arrasar com tudo em Gaza, diz Macron

Segundo o Hamas, a ofensiva israelense em Gaza deixa 20.000 mortos até o momento

O presidente da França, Emmanuel Macron, em entrevista à France 5. Foto: Ludovic Marin/AFP
Apoie Siga-nos no

O presidente da França, Emmanuel Macron, afirmou, nesta quarta-feira 20, que a luta contra o terrorismo não significa “arrasar com tudo em Gaza” e reiterou seu chamado para uma trégua no conflito entre Israel e o movimento islamista palestino Hamas.

“Na medida em que passam as semanas, não podemos deixar que se instale a ideia de que combater o terrorismo de forma eficaz é arrasar com tudo em Gaza ou atacar a população civil indiscriminadamente e causar vítimas civis”, disse o chefe de Estado francês, em entrevista à emissora de televisão pública France 5.

“É por isso que, ao mesmo tempo em que reconhecemos o direito de Israel de se proteger enquanto luta contra o terrorismo, exigimos a proteção dessas pessoas e uma trégua que leve a um cessar-fogo por razões humanitárias.”

Israel declarou guerra ao Hamas em resposta ao ataque sem precedentes de 7 de outubro do movimento islamista em seu território, que deixou cerca de 1.140 mortos, a maioria civis, segundo uma contagem da AFP baseada nos últimos números oficiais israelenses.

Segundo o Hamas, a ofensiva israelense em Gaza em resposta ao ataque deixa 20.000 mortos até o momento.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo