Educação

Faltei no Enem, e agora? Veja quem pode pedir a reaplicação da prova

Candidatos com atestado de doença contagiosa ou que se enquadrem nos ‘problemas de logística’ poderão solicitar a reaplicação até o dia 17 de novembro

Enem 2023: Estudantes e pais na Universidade Paulista no bairro do Paraiso. Foto: Paulo Pinto/Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

O candidato que perdeu o primeiro dia de prova do Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem, neste domingo 5, poderá pedir a reaplicação caso tenha um motivo justificado. A solicitação deverá ser feita ao Inep entre os dias 13 e 17 de novembro.

As provas de reaplicação acontecerão nos dias 12 e 13 de dezembro para aqueles que tiveram um caso comprovado de doença infecciosa ou problemas de logística. Mas atenção: candidatos que faltaram na primeira prova, de linguagens, ciências humanas e redação, ainda poderão participar do segundo dia de prova na data regular – só será reaplicada a prova que a ausência foi justificativa.

Os problemas de logística incluirão candidatos que tenham sido prejudicados pela distância do local da prova em relação a sua residência por um erro do Inep. A organização também considera problemas de logísticas desastres naturais, falta de energia elétrica no local de aplicação, falha no dispositivo eletrônico fornecido ao participante que usa leitor de tela e erro de execução de procedimento durante a aplicação do exame.

No caso de distância, o Inep considera que participantes que fariam a prova em locais a mais de 30km de sua residência terão direito a reaplicação caso queiram e efetuem a solicitação.

A solicitação para a reaplicação deverá ser realizada na página do participante (enem.inep.gov.br/participante). Nos casos de doença contagiosa, a solicitação deverá ser feita com a inserção de um documento legível que comprove a doença com o CID e a assinatura e identificação do profissional competente.

Tags: , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.