Política

Paraná Pesquisas: Lula e Bolsonaro estão tecnicamente empatados em São Paulo

Ciro Gomes e João Doria dividem o terceiro lugar entre os eleitores do estado após um mês de variação positiva nas intenções de voto no tucano

Fotos: Marcelo Camargo/Agência Brasil e Sergio Lima/AFP
Apoie Siga-nos no

O ex-presidente Lula (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) estão tecnicamente empatados entre os eleitores de São Paulo, de acordo com o mais novo levantamento do instituto Paraná Pesquisas, divulgado neste sábado 30. O resultado marca uma inversão entre os dois candidatos na busca pela cadeira no Planalto, com Bolsonaro figurando na liderança por leve vantagem numérica.

Na rodada deste sábado, Bolsonaro tem 35,8% de intenções de votos entre eleitores paulistas, ante 34,9% do ex-presidente Lula. A diferença de apenas 0,9 pontos percentuais está dentro da margem de erro, que é de 2.3 pontos, segundo o instituto. Há cerca de um mês, quando o último levantamento foi realizado no estado e ainda trazia a presença de Sergio Moro (9,7%), o ex-capitão tinha 31% e estava atrás de Lula, que somava 34,1%.

Além de Bolsonaro, o ex-governador de SP, João Doria (PSDB), também conseguiu variar positivamente entre os entrevistados do seu reduto eleitoral. O tucano, que tinha apenas 3,6% das intenções de voto em SP, chegou a 5,5% pontos percentuais neste sábado e ocupa o terceiro lugar. Ciro Gomes (PDT) vem logo em seguida, com 5,4%. O pedetista tinha 4,2% no último levantamento. Vale ressaltar que, assim como Lula e Bolsonaro, as variações estão dentro da margem de erro da pesquisa e deixam as candidaturas tecnicamente empatadas.

Aparecem ainda no principal cenário monitorado pelo levantamento o desempenho das candidaturas de Simone Tebet (MDB), com 1,9%; André Janones (Avante), com 1,2%; Luciano Bivar (União Brasil), com 0,6%; e Luiz Felipe D’avila (Novo), com 0,6%.

O instituto ainda monitorou um segundo cenário sem a presença de Doria, substituído por Eduardo Leite (PSDB). Neste caso, Bolsonaro teria 36,5% das intenções de voto, novamente empatando tecnicamente com Lula, que teria 35,6%. Ciro teria 5,7%. Leite teria 3,5% e Tebet 1,8%. Os demais candidatos repetiriam os desempenhos do primeiro cenário pesquisado.

Para chegar aos resultados deste sábado, o instituto realizou 1.820 entrevistas presenciais com eleitores de SP. A margem de erro do levantamento é de 2,3 pontos percentuais e o nível de confiança de 95%.

Veja a íntegra da pesquisa:

MídiaSP_Federal

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.