CartaExpressa

Moraes autoriza a visita de deputados a presos pelos atos golpistas de 8 janeiro

Em fevereiro, o ministro definiu o STF como a instância responsável por avalizar ou não as visitas aos bolsonaristas

O ministro do STF Alexandre de Moraes. Foto: Rosinei Coutinho/STF
Apoie Siga-nos no

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, autorizou a visita de parlamentares aos bolsonaristas presos por suspeita de participação nos atos golpistas de 8 de janeiro, em Brasília.

Apenas os deputados Sanderson (PL-RS), Hélio Lopes (PL-RJ), Marcel Van Hattem (Novo-SP), Coronel Telhada (PP-SP) e Nikolas Ferreira (PL-MG) poderão visitar os detidos, segundo a decisão.

Conforme o despacho, Moraes levou em consideração “diversas preocupações com os pedidos formulados por parlamentares para ingresso no Complexo Penitenciário da Papuda” e determinou que as visitas serão “individuais”.

Em fevereiro, o magistrado definiu o Supremo como a instância responsável por autorizar ou não as visitas aos bolsonaristas detidos. Na semana passada, Moraes autorizou a entrada do senador Magno Malta (PL-ES) e da deputada federal Juliana Zanatta (PL-SC).

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Depois de anos bicudos, voltamos a um Brasil minimamente normal. Este novo normal, contudo, segue repleto de incertezas. A ameaça bolsonarista persiste e os apetites do mercado e do Congresso continuam a pressionar o governo. Lá fora, o avanço global da extrema-direita e a brutalidade em Gaza e na Ucrânia arriscam implodir os frágeis alicerces da governança mundial.
CartaCapital não tem o apoio de bancos e fundações. Sobrevive, unicamente, da venda de anúncios e projetos e das contribuições de seus leitores. E seu apoio, leitor, é cada vez mais fundamental.
Não deixe a Carta parar. Se você valoriza o bom jornalismo, nos ajude a seguir lutando. Assine a edição semanal da revista ou contribua com o quanto puder.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo