Mundo

Dirigente do Hamas propõe trocar soldados israelenses reféns por todos os presos palestinos

A declaração partiu de Basem Naim, alto responsável do grupo e ex-ministro da Saúde da Faixa de Gaza

Basem Naim (E), um líder do Hamas, e Khaled Qaddoumi (D), representante do movimento no Irã, em 29 de novembro de 2023. Foto: Rodger Bosch/AFP
Apoie Siga-nos no

Um dirigente do Hamas afirmou nesta quarta-feira 29 que o movimento islamista está disposto a liberar os soldados israelenses que mantém como reféns em troca da libertação de todos os palestinos detidos em Israel.

“Estamos dispostos a libertar todos os soldados em troca de todos os nossos presos”, declarou Basem Naim, alto responsável do Hamas e ex-ministro da Saúde da Faixa de Gaza, em entrevista coletiva na África do Sul.

(Matéria em atualização)

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.