Editorial

assine e leia

O vaticínio de Malaquias

Profeta é aquele que já enxerga o futuro, ensina Raymundo Faoro

O carro do futuro é o Lamborghini de luxo movido a energia elétrica, à espera de uma produção popularizada – Imagem: Elie Bekhazi/GIMSQAT/AFP
Apoie Siga-nos no

O papa, que não estava bem, melhorou bastante. Esta é uma boa notícia. Está largamente provado que Francisco é uma presença benéfica para todos, crentes ou não. O que pode inquietar é a profecia de Malaquias: Francisco seria o último papa antes do Apocalipse. A definição da profecia é, na verdade, muito convincente: Pastor et Nauta – Pastor e Timoneiro. As profecias, esclarecia-me o fraterno amigo Raymundo ­Faoro, são o resultado de uma visão profunda das coisas do mundo, antecipadas por quem goza deste bem. Não significa, está claro, que Malaquias esteve cem por cento certo.

Registremos, contudo, o seu vaticínio, já que o risco, inegavelmente, existe, a começar pela crise ambiental e pelos efeitos da pandemia de Covid-19, cujas consequências ainda per

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.