CartaExpressa

PF não encontra registro de investigação sobre Covaxin, diz jornal

PF não encontra registro de investigação sobre Covaxin, diz jornal

Bolsonaro teria prometido ao deputado que levaria as denuncias de irregularidade à Polícia Federal

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A Polícia Federal não encontrou registros da abertura de inquérito para apurar as denúnciais de irregularidades na compra da vacina indiana Covaxin. A informação é da Folha de S. Paulo.

De acordo com o deputado Luís Miranda (DEM-DF), o presidente Jair Bolsonaro prometeu que levaria o caso à PF logo que soube das denúncias no dia 20 de março.

As suspeitas envolvendo a compra de 20 milhões de doses da vacina indiana são muitas. Vão desde o sobrepreço pago pelas doses e o não cumprimento de prazos de entrega até possíveis vantagens indevidas à Precisa Medicamentos, empresa intermediária do acordo.

O contrato está sendo investigado pelo Ministério Público Federal e pela CPI da Covid no Senado.

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem