CartaExpressa,Política

MPE diz que Bolsonaro antecipa campanha ao atacar Lula

MPE diz que Bolsonaro antecipa campanha ao atacar Lula

O órgão entendeu que o presidente atacou potenciais adversários nas eleições de 2022 em discurso no Maranhão

Foto: AFP

Foto: AFP

O Ministério Público Eleitoral manifestou-se pela procedência de uma representação contra Jair Bolsonaro por propaganda eleitoral antecipada. O órgão compreendeu que o presidente ‘atacou a honra’ de potenciais adversários nas eleições de 2022.

No entendimento do MPE, a campanha antecipada ocorreu em discurso feito por Jair Bolsonaro no Maranhão no último dia 21 de março.

Na ocasião, Bolsonaro disse: “Para o ano que vem, já tem uma chapa formada. O ladrão candidato a presidente e um vagabundo como vice”.

A declaração foi direcionada a Lula e FHC, que se encontraram no dia anterior, e compreendida pelo MPE como um ataque à honra do potencial adversário no pleito.

Na manifestação, o MPE destacou que a fala de Bolsonaro “teve grande repercussão midiática, tanto em meio de comunicação como em redes sociais, circunstância que causou efeito negativo à imagem” dos ex-presidentes.

A instalação de um outdoor no entorno de São Luiz, no Maranhão, com a foto e elogios à atuação do presidente também foi enquadrada como propaganda antecipada pelo órgão.

A manifestação do MPE teve como base a representação feita pelo PCdoB e recomendou uma multa de 40 mil reais a Bolsonaro, 15 mil pelo outdoor e 25 mil pelo ataque a Lula.

Confira a íntegra da manifestação.

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem