CartaExpressa

Jefferson está com Covid e defesa pedirá prisão domiciliar, diz advogado

Segundo Luiz Gustavo Pereira da Cunha, o bolsonarista ‘ainda está sentindo febre, dores no corpo, nos rins e está com os pés inchados’

O presidente afastado do PTB, Roberto Jefferson. Foto: Reprodução/Redes Sociais
O presidente afastado do PTB, Roberto Jefferson. Foto: Reprodução/Redes Sociais
Apoie Siga-nos no

O ex-deputado federal Roberto Jefferson testou positivo para a Covid-19 pela 2ª vez, de acordo com o advogado Luiz Gustavo Pereira da Cunha. Na véspera, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, autorizou que o bolsonarista deixasse provisoriamente a prisão e fosse transferido ao Hospital Samaritano Botafogo, na cidade do Rio de Janeiro, para passar por exames.

“Ele ainda está sentindo febre, dores no corpo, nos rins e está com os pés inchados. Ontem à noite o médico o internou”, disse Pereira da Cunha ao site Metrópoles. O advogado adiantou que pedirá a Moraes a conversão da prisão preventiva em domiciliar.

O presidente afastado do PTB está preso desde 13 de agosto por ordem de Moraes, no âmbito do Inquérito 4.874, que apura a atuação de milícias digitais antidemocráticas. O aliado do presidente Jair Bolsonaro foi para a cadeia depois de dirigir ameaças ao Supremo pelas redes sociais.

Em 10 de janeiro, Moraes prorrogou o prazo das investigações por noventa dias. A Corte tem negado os pedidos de Jefferson para sair da prisão.

Na segunda-feira 17, a esposa do bolsonarista, Ana Lucia Jefferson, gravou um vídeo para pedir que o marido fosse transferido imediatamente a um hospital. Na gravação, ela disse que Jefferson corre risco de morrer.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.