CartaExpressa

Foragido, Allan dos Santos compara Moraes a um ‘estuprador’ após revogação da prisão de Daniel Silveira

O blogueiro bolsonarista apresentou uma ‘questão hipotética’ a seguidores em uma rede social

O blogueiro bolsonarista Allan dos Santos. Foto: Reprodução
O blogueiro bolsonarista Allan dos Santos. Foto: Reprodução
Apoie Siga-nos no

O blogueiro bolsonarista Allan dos Santos comparou nesta segunda-feira 8 o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, a um estuprador. A mensagem foi publicada no Telegram minutos depois de o magistrado revogar a prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) mas proibi-lo de acessar as redes sociais.

Primeiro, Allan dos Santos compartilhou o trecho de uma notícia sobre o despacho. “Na decisão de revogar a prisão do parlamentar, Moraes substitui a detenção de Silveira por algumas medidas cautelares, entre elas a ‘proibição de ter qualquer forma de acesso ou contato com os demais investigados’ nos inquéritos das fake news e das milícias digitais e a ‘proibição de frequentar toda e qualquer rede social.'”

Na sequência, o bolsonarista emendou: “Imagine um estuprador dizendo que parará de estuprar a sua vítima diariamente e que dará uma condição para isso: continuará a aliciar a vítima sem penetração e para isso pede o SILÊNCIO dela. O que você acha dessa questão hipotética?”

Em 21 de outubro, Moraes determinou a prisão de Allan dos Santos, que está nos Estados Unidos. O ministro mandou o Ministério da Justiça iniciar imediatamente o processo de extradição e ordenou que a Polícia Federal inclua o mandado de prisão em uma lista da Interpol. Até aqui, porém, o blogueiro segue foragido.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.