CartaExpressa

Deltan vira professor de Direito em universidade do PR: ‘Para enriquecer a vida dos alunos’

O ex-procurador foi contratado pela UniGuairacá, de Guarapuava (PR)

Deltan apresenta a denúncia contra Lula em 2016. Foto: Reprodução
Deltan apresenta a denúncia contra Lula em 2016. Foto: Reprodução
Apoie Siga-nos no

O ex-procurador Deltan Dallagnol, que chefiou por seis anos a Operação Lava Jato, foi contratado pela UniGuairacá, de Guarapuava (PR), para dar aulas de Direito.

“Durante os próximos meses e anos espero compartilhar um pouco da minha experiência para enriquecer a vida e o currículo dos alunos da instituição”, disse Dallagnol em vídeo publicado nas redes sociais.

Ele confirmou em 4 de novembro de 2021 a decisão de renunciar ao cargo no Ministério Público Federal. Na ocasião, adotou um tom de candidato ao projetar os passos seguintes. Em dezembro, oficializou sua filiação ao Podemos, partido que abriga o ex-juiz Sergio Moro, com quem Dallagnol mantinha profunda ligação desde os tempos de Lava Jato.

Nas últimas semanas, o ex-procurador tem se dedicado à defesa de Moro com uma ofensiva ao subprocurador-geral do Ministério Público junto ao Tribunal de Contas da União, Lucas Rocha Furtado, que pediu o bloqueio de bens do ex-juiz por suposta sonegação de impostos no âmbito de seu contrato com a Alvarez & Marsal.

Deltan classificou o possível bloqueio como “vergonhoso”, “absurdo” e uma “forçação de barra”. Logo em seguida, o senador Renan Calheiros (MDB-AL), um de seus principais desafetos, afirmou nas redes sociais: “Deltan Dallagnol é um pivete conhecido com uma folha corrida cheia de transgressões, delitos e abusos. Eu já o condenei 2 vezes no CNMP e na justiça. Mas isso é pouco pra ficha policial dele. Responderá e haverá de pagar pelos outros crimes que cometeu”.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.