Parlatório

Ato falho? Joice diz que, com anticrime, Brasil será ‘paraíso para bandidos’

Deputada participou, com Moro e ministros, da solenidade de entrega do documento a Rodrigo Maia. Proposta não inclui caixa 2

Apoie Siga-nos no

Uma das figuras mais histriônicas do PSL, a deputada Joice Hasselmann acabou cometendo um ato falho ao registrar a entrega do pacote anticrime ao Congresso, na tarde desta terça-feira 19.

A jornalista escreveu no Twitter que, com o pacote, o Brasil ‘será paraíso para bandidos’. Nos comentários da postagem, a claque bolsonarista insistiu para que ela corrigisse o erro. Mas passaram-se mais de quarenta minutos até a retirada.

Leia também: "O pacote 'anticrime' é a antítese de um projeto de segurança pública"

Leia também: O DNA de Moro: vigilância estatal

As medidas incluem alterações em 14 leis, como o Código Penal, o Código de Processo Penal, a Lei de Execução Penal, a Lei de Crimes Hediondos, o Código Eleitoral, e são alvos de críticas no mundo jurídico. Diferente do projeto inicial, a proposta que segue para a Câmara não criminaliza o caixa 2: esse trecho foi desmembrado e será apresentado separadamente.

Leia também: Ministro nega recurso e Bolsonaro terá que indenizar Maria do Rosário

Com a visita, o pacote anticrime passa a tramitar oficialmente no Congresso. Além de Moro, Maia e Joice, acompanharam a reunião a ministra Damares Alves, Paulo Guedes, Luiz Henrique Mandetta e o General Santos Cruz.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.