Sociedade

Ministério Público vai investigar T4F por omissão em shows de Taylor Swift

Fã da cantora não suportou sensação térmica de 60°C em estádio na sexta-feira 17 e desmaiou; ela chegou a ser atendida no hospital mas faleceu após parada cardíaca

Fila para comprar ingressos para o show da cantora Taylor Swift. Foto: Reprodução/Felipe Rau
Apoie Siga-nos no

O Ministério Público Federal vai investigar a conduta da produtora Time4Fun pro durante a produção dos shows da cantora Taylor Swift no Brasil. A investigação apura se a organizadora agiu ou não para impedir a morte de Ana Benevides, que sofreu uma parada cardiorrespiratória durante a apresentação na última sexta-feira 17.

A investigação ocorre a pedido da deputada federal Sâmia Bonfim (PSOL-SP), que enviou ofício pedindo a responsabilização e investigação da empresa mediante denúncias de omissão no caso. Na rede social X, a parlamentar justificou a postura ‘reincidente’ de descaso e negligência da TF4 como justificativa para a solicitação. O pedido foi reforçado por solicitação semelhante da deputada Erika Hilton (PSOL-SP).

Ana Benevides, de 23 anos, veio do Mato Grosso ao Rio de Janeiro para acompanhar o show. No estádio, a jovem enfrentou a sensação térmica de 60° e passou mal durante a segunda música da turnê, Cruel Summer. Ela chegou a ser levada ao hospital, mas faleceu após parada cardíaca.

Nesta manhã, O ministro da Justiça, Flávio Dino, anunciou que a Secretária do Consumidor vai adotar medidas emergências para o acesso a água em shows e outros espetáculos públicos

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.