Angeli e Laerte ocupam Paulista com charges sobre direitos humanos

Exposição de painéis fica na Avenida Paulista até o dia 31 de maio e depois vai para outros endereços da capital

Angeli e Laerte ocupam Paulista com charges sobre direitos humanos

Sociedade

No mês de maio, o paulistano que transita pela avenida cartão-postal da cidade vai passar por 30 murais de Laerte e Angeli, dispostos nos painéis da ciclovia, e ter que se manter atento ao movimento. É fácil se perder nas ilustrações dos dois nomes. 

A exposição “Direito do Avesso / Avesso do Direito” ocupa a Avenida Paulista com ilustrações sobre eleições, trabalho, saúde pública, educação, desigualdade, agrotóxicos, cidadania e outros. O projeto é idealizado pela União Geral dos Trabalhadores (UGT) e conta com produção de Maná Produções e DOC Galeria. Essa é a quinta vez que a Exposição de Maio, como ficou conhecida, toma o centro da via.

Ricardo Farah, presidente da UGT, comenta que a intenção era levar questões de cidadania à altura dos olhos e da reflexão de uma das mais de 1 milhão de pessoas que passam por ali todos os dias. “As charges foram focadas em questões de emprego, desigualdade salarial. Escolhemos com o significado da valorização do ser humano, do trabalhador”, disse.

“Busco um humor ácido, que nos traga desconforto. Uma crítica dura como um soco no estômago. Seco e certeiro. E que nos leve a refletir sobre os rumos e o comportamento da sociedade em que vivemos”, diz Angeli. Laerte completa: “Sinto que, com o nosso trabalho, a gente conecta coisas muito modernas a coisas muito antigas; e que isso é algo que precisa ser feito.”

A edição de 2019 será itinerante, feito inédito para a exposição. Ela passará na Casa de Cultura do Butantã, na Casa de Cultura da Vila Guilherme, o Casarão, no Centro de Convívio de Cultura da Vila Mariana e na Galeria Prestes Maia, em datas ainda a serem confirmadas.

Abaixo, é possível ver algumas das charges expostas. Elas estarão até o dia 31 de maio na Paulista, partindo do cruzamento com a Rua Augusta, seguindo em direção à Alameda Campinas.

 

 

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

É repórter do site de CartaCapital.

Compartilhar postagem