Saúde

Polícia Federal realiza operação sobre ataque hacker ao Ministério da Saúde

Estão sendo cumpridos oito mandados de busca e apreensão, em Minas Gerais, Paraíba, Paraná e Santa Catarina

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

A Polícia Federal realiza, na manhã desta terça-feira, uma operação para investigar um ataque hacker realizado no fim de 2021 contra diversos órgãos do governo federal, entre eles o Ministério da Saúde.

Na época do ataque, diversas plataformas do Ministério a Saúde ficaram fora do ar, incluindo o ConecteSUS, que emite certificado de vacinação, e o Open DataSUS, que detém dados de acompanhamento da pandemia e outras informações de vigilância.

Estão sendo cumpridos oito mandados de busca e apreensão, em Minas Gerais, Paraíba, Paraná e Santa Catarina. Os mandados foram expedidos pela 12ª Vara da Justiça Federal no Distrito Federal, após pedido da PF.

O inquérito foi aberto em 10 de dezembro de 2021. De acordo com comunicado da PF, no decorrer da investigação “descobriu-se que tais ataques foram realizados por uma organização criminosa transnacional dedicada à prática de crimes dessa natureza, visando entidades públicas e privados no Brasil, Estados Unidos, Portugal e Colômbia”.

Além do Ministério da Saúde, o mesmo grupo também atacou os sites do Ministério da Economia, da Controladoria-Geral da União (CGU), da Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT), da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), entre outros órgãos.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo