Sem vacina, Bolsonaro é impedido de assistir ao jogo do Santos em São Paulo

Ele reclamou sobre o impedimento com seus apoiadores nesta manhã de domingo 10

O presidente da República, Jair Bolsonaro. Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente da República, Jair Bolsonaro. Foto: Marcos Corrêa/PR

Política

O presidente Jair Bolsonaro foi impedido de assistir ao jogo do Santos em São Paulo, neste domingo 10, por não apresentar o comprovante de vacinação. Tal comprovação é obrigatória ao público que vai ao estádio. 

Para seus apoiadores, o presidente criticou a proibição. 

“Por que passaporte da vacina? Eu queria ver o jogo do Santos agora e me falaram que tem que estar vacinado. Por que isso? Eu tenho mais anticorpos do que quem tomou a vacina”, questionou Bolsonaro.

O presidente também reclamou ao ser advertido sobre o uso obrigatório de máscara na cidade de Peruíbe. A multa para quem se recusa a usar a proteção é de 500 reais. 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Repórter do site de CartaCapital

Compartilhar postagem