Política

PSL tem rejeição maior do que o PT, aponta pesquisa do Ibope

50% dos entrevistados afirmam que não votariam de jeito nenhum no partido pelo qual Bolsonaro se elegeu. A rejeição ao PT foi de 43%

Bolsonaro e Luciano Bivar

Foto: Divulgação/PSL
Bolsonaro e Luciano Bivar Foto: Divulgação/PSL
Apoie Siga-nos no

O Ibope divulgou nesta segunda-feira 18 uma pesquisa de opinião que mensurou o potencial de votos entre PT e PSL. Segundo o levantamento, 50% dos entrevistados afirmam que não votariam de jeito nenhum no Partido Social Liberal; a rejeição ao Partido dos Trabalhadores f0i de 43%.

O maior índice de rejeição ao PSL foi observado no Nordeste, onde a taxa foi de 62%. As regiões Sudeste e Sul foram as mais expressivas ao declarar que não votariam no PT de jeito nenhum, ambas tiveram taxa de 49%.

O Nordeste é a região onde o PT tem a maior aprovação: 42% dos entrevistados disseram que votariam com certeza no partido. As regiões Norte e Sul foram as que mais tiveram entrevistados que afirmaram votar com certeza no partido, com taxa de 15%.

A pesquisa foi feita no período de 18 a 22 de outubro em todas as capitais do País com população a partir dos 16 anos de idade. O estudo ainda considerou outros recortes como renda familiar, religião, raça e escolaridade.

A última pesquisa Ibope, divulgada em setembro, mostrou que o atual governo tem aprovação de 31% e reprovação de 34%.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.