Intenção de voto em Lula aumenta, indica pesquisa

Tracking do Atlas Político mostra o ex-presidente oito pontos à frente de Bolsonaro em um eventual segundo turno

Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

Política

A imagem as intenções de votos do ex-presidente Lula aumentaram após o ministro Edson Fachin, do STF, anular os processos que envolviam o petista na operação Lava Jato.

Foi o que mostrou um tracking da consultoria Atlas Político, divulgado nesta terça-feira 09. Pela primeira vez desde o início do ano, a intenção de voto em Lula no primeiro turno de 2022 superou 25%. A diferença entre Bolsonaro é de apenas 5 pontos, a menor na série histórica.

  • Bolsonaro: 31,1%
  • Lula: 26,1%
  • Moro: 11,2%

Já no segundo turno, o ex-presidente passa o ex-capitão e fica oito pontos a frente de Bolsonaro. Essa é uma das maiores diferenças da série histórica. Haddad está 5 pontos na frente.

  • Lula:  45,1%
  • Bolsonaro: 37%
  • Não sabe: 17,9%

Também pela primeira vez na série histórica, Lula é o segundo colocado no ranqueamento de imagem positiva dos líderes políticos, em empate técnico com Jair Bolsonaro.

O único que supera Lula e Bolsonaro é o ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.

  • Mandetta: 42,4%
  • Jair Bolsonaro: 35,2%
  • Lula: 35%

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem