Política

Em visita ao Piauí e Bahia, Bolsonaro se aglomera e dispensa uso da máscara

Com mais de 90 mil mortes no Brasil, presidente vai visitar Serra da Capivara e inaugurar sistema de água no interior baiano

(Foto: Foto: Alan Santos /PR)
Apoie Siga-nos no

Nos primeiros compromissos fora de Brasília após o diagnóstico de coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro esteve presente nesta quinta-feira 30 em cidades da Bahia e do Piauí, causou aglomerações e cumprimentou apoiadores com a máscara no pescoço – forma errada de se utilizar a proteção.

Nas redes sociais, o presidente publicou vídeos dos momentos em que cumprimenta os pequenos grupos que se formaram para recepcioná-lo nas cidades.

Bolsonaro chegou a usar chapéu de cangaceiro e a montar em um cavalo na saída do aeroporto de São Raimundo Nonato, no Piauí.

Na primeira parada, em Campo Alegre de Lourdes, na Bahia, a agenda oficial informa que Bolsonaro esteve presente para acionar o Sistema Integrado de Abastecimento de Água do município. De lá, o presidente visitou o Parque Nacional da Capivara, no Piauí, e o Museu da Natureza, localizado dentro da reserva ambiental.

Na cerimônia de inauguração do sistema de água, Bolsonaro afirmou que não poderia resolver problemas do País sozinho. “Já ouvi de parlamentares e prefeitos alguns problemas da região, esses problemas quem vai resolver não é o Jair Bolsonaro sozinho, vai ser ele e o Parlamento brasileiro”, afirmou.

“Começamos enfrentando uma pandemia, ninguém esperava isso, mas ela veio e nós fizemos todo o possível para que seus efeitos fossem minorados. Mas fizemos isso tendo ao nosso lado valorosos senadores e deputados”, disse, destacando a presença de parlamentares aliados.

A visita de Bolsonaro às localidades se dá no contexto das mais de 90 mil vidas perdidas para a epidemia de coronavírus, que também já infectou mais de 2.5 milhões de pessoas. Na manhã desta quinta, foi confirmado pela assessoria da Presidência que a primeira-dama Michelle Bolsonaro havia testado positivo para covid-19, e que se encontrava em um bom estado de saúde.

Segundo as prefeituras dos municípios que Bolsonaro visitou, São Raimundo Nonato (PI) registra 741 casos confirmados de coronavírus e três mortes em decorrência da covid-19, enquanto Campo Alegre de Lourdes tinha 76 casos confirmados e dois óbitos até a terça-feira 28.

*Com informações da Agência Brasil

ENTENDA MAIS SOBRE: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Depois de anos bicudos, voltamos a um Brasil minimamente normal. Este novo normal, contudo, segue repleto de incertezas. A ameaça bolsonarista persiste e os apetites do mercado e do Congresso continuam a pressionar o governo. Lá fora, o avanço global da extrema-direita e a brutalidade em Gaza e na Ucrânia arriscam implodir os frágeis alicerces da governança mundial.
CartaCapital não tem o apoio de bancos e fundações. Sobrevive, unicamente, da venda de anúncios e projetos e das contribuições de seus leitores. E seu apoio, leitor, é cada vez mais fundamental.
Não deixe a Carta parar. Se você valoriza o bom jornalismo, nos ajude a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo