‘Duas caras?’, questiona Perpétua Almeida sobre Bolsonaro com máscara no Equador

No domingo 23, Bolsonaro fez um passeio pelo Rio de Janeiro que reuniu milhares de motociclistas, sem utilizar a proteção

Photo by EVARISTO SA / AFP

Photo by EVARISTO SA / AFP

Política

Vice-líder do PCdoB na Câmara, a deputada federal Perpétua Almeida (AC) ressaltou o uso de máscara pelo presidente Jair Bolsonaro em visita ao Equador para posse do novo presidente do país, Guillermo Lasso. “Duas caras?”, perguntou a deputada. “Bolsonaro não cumpre leis no Brasil e nem respeita os brasileiros”.

 

 

 

No domingo 23, Bolsonaro fez um passeio pelo Rio de Janeiro que reuniu milhares de motociclistas. Ele estava acompanhado do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello e ambos, como é corriqueiro, não utilizavam máscaras de proteção contra o novo coronavírus. No entanto, ainda ontem, Bolsonaro desembarcou em Quito, no Equador e, dessa vez, utilizou o acessório no rosto.

“No Brasil, Bolsonaro faz aglomeração e não usa máscara. Mas no Equador, ele desembarcou com a máscara N95. O que isso quer dizer?”, diz Perpétua no Twitter. “Bolsonaro não cumpre leis no Brasil e nem respeita os brasileiros”, acrescentou.

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem