Política

Datafolha: Para a maioria dos beneficiários, o Auxílio Brasil é insuficiente e não influencia no voto

Mesmo entre os que aprovam o desempenho do ex-capitão, o contentamento com o programa é baixo

Auxílio emergencial foi encerrado em dezembro de 2020. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Auxílio emergencial foi encerrado em dezembro de 2020. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

A maioria dos beneficiários do Auxílio Brasil se diz insatisfeita com os valores recebidos pelo programa e afirma que a ajuda financeira não influencia na escolha de um candidato para a Presidência da República. 

Os dados são do mais recente levantamento do Datafolha, realizado na última semana.

Segundo a pesquisa, 69% das pessoas beneficiadas consideram os valores recebidos do governo federal insuficientes para suprir as necessidades familiares. Outros 29% disseram estar satisfeitos e 2% consideram os valores acima do necessário. A insatisfação com o auxílio subiu um ponto percentual em comparação com o último levantamento. 

O contentamento com o programa é baixo mesmo entre os que aprovam o desempenho do ex-capitão. Entre os que consideram o governo como bom ou ótimo, 56% afirma ser o valor distribuído pelo Auxílio Brasil insuficiente para atender as demandas das famílias em situação de vulnerabilidade.

Já entre os apoiadores do governo Bolsonaro, apenas 39% afirmou estar satisfeitos com os valores repassados.

Os beneficiários do Auxílio Brasil também são os que menos aprovam o governo do ex-capitão. Somente 19% do que recebem os valores consideram o desempenho do presidente ótimo ou bom. Outros 45% reprovam. 

Quando questionados sobre as intenções de votos, 66% dos beneficiários do programa social disseram que o valor recebido não tem influência na escolha eleitoral. Para outros 31% a ajuda tem alguma relevância na opção para o próximo presidente. 

A pesquisa foi realizada com 2.556 brasileiros, habitantes de 181 municípios, entre os dias 25 e 26 de maio. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. 

Marina Verenicz
Repórter do site de CartaCapital

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.