Mundo

Reino Unido planeja obrigar todos os viajantes a se isolar em hotéis

Este tipo de medida já está em vigor em países como Austrália e Nova Zelândia

Foto: Justin Tallis/AFP
Foto: Justin Tallis/AFP
Apoie Siga-nos no

O governo britânico afirmou neste domingo, 17, que contempla a opção de pedir a todos os visitantes que chegarem ao Reino Unido para se isolar em hotéis, reforçando as novas medidas contra o coronavírus que entrarão em vigor nas próximas horas.

A partir de segunda-feira às 4h (1h de Brasília), todas as pessoas que chegarem ao Reino Unido precisarão de um teste negativo de Covid-19 e terão que fazer uma quarentena.

No entanto, as autoridades planejam reforçar essas restrições, segundo afirmou o jornal The Sunday Times, pedindo aos viajantes que se ‘autoisolem’ em hotéis. Os gastos seriam por sua conta e teriam que utilizar o GPS e tecnologias de reconhecimento facial para garantir que respeitam a quarentena.

Este tipo de medida já está em vigor em outros países, como Austrália e Nova Zelândia.

As restrições que entrarão em vigor na segunda-feira, 18, ocorrem depois que o Reino Unido proibiu, na sexta-feira, os voos da América do Sul e Portugal, devido à nova cepa do coronavírus encontrada no Brasil.

A partir de segunda-feira, todas as pessoas que chegarem ao Reino Unido, incluindo os britânicos, terão que apresentar um teste de Covid-19 negativo em sua chegada e permanecer em quarentena.

AFP

AFP
Agência de notícias francesa, uma das maiores do mundo. Fundada em 1835, como Agência Havas.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.