CartaExpressa

Academia de Hollywood proíbe Will Smith de comparecer a entregas do Oscar por 10 anos

Ator não perdeu o Oscar que ganhou este ano por ‘King Richard’

Momento entre Will Smith e Chris Rock gerou punição pela Academia. Foto: Reprodução
Apoie Siga-nos no

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood anunciou, nesta sexta-feira 8, que proíbe o ator Will Smith de comparecer à cerimônia dos prêmios Oscar durante os próximos 10 anos devido ao tapa que deu no comediante Chris Rock na última edição.

Segundo indicaram em nota o presidente da junta da organização, David Rubin, e a diretora executiva, Dawn Hudson, durante esses dez anos Smith “não estará permitido a comparecer a nenhum evento ou programa da Academia, seja pessoal ou virtualmente, incluindo, entre outros, os Prêmios da Academia”.

De qualquer modo, não perdeu o Oscar de melhor ator que ganhou este ano por “King Richard”.

ENTENDA MAIS SOBRE: , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Depois de anos bicudos, voltamos a um Brasil minimamente normal. Este novo normal, contudo, segue repleto de incertezas. A ameaça bolsonarista persiste e os apetites do mercado e do Congresso continuam a pressionar o governo. Lá fora, o avanço global da extrema-direita e a brutalidade em Gaza e na Ucrânia arriscam implodir os frágeis alicerces da governança mundial.
CartaCapital não tem o apoio de bancos e fundações. Sobrevive, unicamente, da venda de anúncios e projetos e das contribuições de seus leitores. E seu apoio, leitor, é cada vez mais fundamental.
Não deixe a Carta parar. Se você valoriza o bom jornalismo, nos ajude a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo