CartaExpressa

Juiz rejeita denúncia contra padre por ofensas homofóbicas a repórter da Globo

Para o juiz Bruno César Singular França, os xingamentos de ‘viadinho’, entre outras ofensas, são ‘direito à liberdade religiosa’

Apoie Siga-nos no

A Justiça Estadual de Mato Grosso rejeitou a denúncia apresentada pelo Ministério Púbico contra o padre Antônio Müller, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Tapurah, acusado de proferir ofensas homofóbicas contra o jornalista Érick Rianelli, da TV Globo, casado com Pedro Figueiredo, também jornalista da emissora.

As informações são do portal Metrópoles. 

Para o juiz Bruno César Singular França, da Vara Única de Tapurah, no Mato Grosso, os xingamentos de “viadinho”, entre outras ofensas homofóbicas, são “direito à liberdade religiosa”, contrariando manifestação do STF em sentido contrário. 

Em junho, o casal viralizou na internet após Rianelli desejar feliz Dia dos Namorados à Figueiredo, durante o encerramento da edição do RJTV, jornal carioca da TV Globo. 

Durante celebração de ato religioso, o padre chamou o profissional de “viadinho”, além de criticar a união homoafetiva, que estaria em desacordo com os dogmas religiosos.

O Ministério Público estadual apresentou uma ação civil pública à época dos fatos e Rianelli foi ouvido em audiência. 

Coletivos LGBTIA+ nacionais, testemunhas na ação, se mobilizaram para pedir que o MP recorra da decisão na tentativa de fazer valer a decisão do STF que não prevê nenhum excludente à criminalização da homofobia. 

 

CartaCapital

CartaCapital Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.