ABI repudia censura a Luis Nassif e ao GGN

Site foi obrigado a remover 11 reportagens que citavam o banco BTG Pactual sob pena de multa de 10 mil reais por dia

ABI repudia censura a Luis Nassif e ao GGN

Justiça

A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) emitiu uma nota, no último domingo 30, de apoio ao jornalista Luis Nassif  contra uma decisão judicial que censurou 11 reportagens que citam o banco BTG Pactual no site GGN.

Sob pena de multa de 10 mil reais por dia, o site foi obrigado a remover todo o conteúdo do ar. O jornalista vai recorrer da decisão.

Leia a nota assinada pelo presidente da ABI, Paulo Jeronimo.

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem