Cultura

assine e leia

Entre a filosofia e a realidade

Uma nova leva de livros de e sobre Lukács revela sua busca obstinada por uma interpretação original do marxismo

Húngaro nascido no seio de uma família judaica burguesa, o pensador tornou-se comunista na esteira da revolução russa – Imagem: Redes sociais
Apoie Siga-nos no

Não resta dúvida de que ­Georg Lukács (1885-1971) é um dos grandes nomes da história do pensamento marxista. O filósofo nascido na Hungria impressiona não apenas pela extensão quantitativa, mas pela ambição de sua obra. É como se, a cada texto, Lukács acrescentasse uma nova camada à compreensão filosófica da tradição fundada por Karl Marx.

É o que nos mostra uma nova leva de livros de e sobre Lukács, recentemente editados pela Boitempo. Tomados em bloco, os títulos revelam um pensamento em permanente ebulição, pressionado entre a fidelidade à letra do pensamento de Marx e a busca por atualizá-lo à luz das transformações do capitalismo, assim como do mal chamado “socialismo realmente existente”.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.