CartaExpressa

Rio de Janeiro aprova feriado municipal durante a Cúpula do G20; veja as datas

Prefeitura justifica a necessidade do feriado excepcional para garantir a segurança dos mais de 30 líderes internacionais presentes no evento

Foto: Alexandre Macieira/Riotur
Apoie Siga-nos no

A Câmara de Vereadores do Rio de Janeiro aprovou, na quarta-feira 17, um Projeto de Lei que estabelece feriado municipal nos dias 18 e 19 de novembro para a realização da Cúpula do G20, sediada na capital carioca.

Os feriados visam facilitar o transporte e a logística envolvidas na segurança dos líderes internacionais durante o evento. Nas datas, a previsão é de que o Rio de Janeiro receberá mais de 30 chefes de Estado e cerca de 15 mil visitantes.

Continuarão a funcionar as indústrias situadas nas zonas norte e oeste da cidade, além de estabelecimentos essenciais, comércios do ramo de alimentos e estabelecimentos que desenvolvam as atividades em trabalho remoto.

ENTENDA MAIS SOBRE: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Relacionadas

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Apoie o jornalismo que chama as coisas pelo nome

Os Brasis divididos pelo bolsonarismo vivem, pensam e se informam em universos paralelos. A vitória de Lula nos dá, finalmente, perspectivas de retomada da vida em um país minimamente normal. Essa reconstrução, porém, será difícil e demorada. E seu apoio, leitor, é ainda mais fundamental.

Portanto, se você é daqueles brasileiros que ainda valorizam e acreditam no bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando. Contribua com o quanto puder.

Quero apoiar