CartaExpressa,Política

Não há previsão de análise do impeachment de Moraes, diz Pacheco

Não há previsão de análise do impeachment de Moraes, diz Pacheco

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), repetiu nesta segunda-feira 23 que não vê ‘fundamentos jurídicos’ no pedido de impeachment do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, encaminhado ao Senado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Ele também declarou que “não há previsão da avaliação do impeachment, porque há outros pedidos de ministros do STF que estão no Senado”.

“Eu pedirei para ouvir a Advocacia-Geral do Senado e seguir o parecer jurídico técnico em relação a esse pedido, mas repito o que disse já na sexta, ao me deparar com a peça do pedido de impeachment do ministro Alexandre de Moraes: que eu não antevia fundamentos fáticos e jurídicos para dar seguimento”, afirmou Pacheco em evento.

Sem mencionar diretamente Bolsonaro, o presidente do Senado ainda afirmou que a Casa não admitirá “nenhum tipo de retrocesso ao Estado de Direito e à democracia no nosso País”.

“Esta afirmação não é nenhum ato de confronto, de afronta, de hostilidade, muito pelo contrário. É um ato republicano, democrático, de uma instituição que obedece a Constituição Federal, conquistada a duras penas no nosso País, uma instituição que entende que não há outro mecanismo para se ter ordem e progresso que não seja em um ambiente democrático”, acrescentou.

 

 

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem