CartaExpressa

Lula é o nome ideal para liderar a Frente Ampla contra Bolsonaro, dizem deputados do PT

Em pesquisa do IPEC, o petista aparece com 49% das intenções de voto contra apenas 26% do atual presidente

O ex-presidente Lula. Foto:  Filippo Monteforte/AFP
O ex-presidente Lula. Foto: Filippo Monteforte/AFP

A bancada do PT na Câmara dos Deputados empolgou-se com os números da pesquisa IPEC, divulgada nesta sexta-feira 25, que põe o ex-presidente Lula como vencedor, ainda no primeiro turno, das eleições de 2022.

No levantamento, o petista aparece com 49% das intenções de voto contra apenas 26% do presidente Jair Bolsonaro.

Em conversa com CartaCapital, deputados apontam que o ex-presidente é o nome ideal para liderar a Frente Ampla contra o bolsonarismo.

“Lula se consolida como a grande liderança para reconstruir o Brasil”, afirmou  o líder da bancada do PT na Câmara
Bohn Gass. “Ele tem esse significado de representar uma Frente que garanta a democracia no Brasil”, acrescenta.

“Lula é o nome para comandar o processo de retomada democrática no Brasil. Um segundo governo Bolsonaro seria completamente autoritário”, completa o deputado mineiro Rogério Correia.

Para Paulo Teixeira, o ex-presidente, atualmente, é o único capaz de dar fim ao governo Bolsonaro.

 

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!