CartaExpressa,Política

Lula cresce nas redes sociais após anulação de condenações

Lula cresce nas redes sociais após anulação de condenações

Perfis oficiais do petista tiveram resultados positivos em número de seguidores, curtidas e interações, mostra levantamento do MonitoraBR

Foto: Miguel SCHINCARIOL / AFP

Foto: Miguel SCHINCARIOL / AFP

Desde segunda-feira 8, quando o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, anulou as condenações do ex-presidente Lula no âmbito da Operação Lava Jato, as redes sociais do petista cresceram em seguidores, curtidas e interações.

É o que mostra levantamento obtido com exclusividade por CartaCapital do MonitoraBR, plataforma de análise de dados.

A elevação dos números deve-se, também, ao discurso do ex-presidente realizado na última quarta-feira 10, em que fez fortes críticas ao presidente Jair Bolsonaro.

 

 

De acordo com o monitoramento, no Facebook, o número de curtidas cresceu 33.646, ou 0,83%. No Twitter, o ex-presidente ganhou 129.737 seguidores no período, um aumento de 6,03%.

Já no Youtube, com o discurso transmitido ao vivo, o canal do presidente teve um aumento de 22 mil inscritos.

Os posts que mais engajaram nas redes sociais de Lula foram:

 

 

 

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Editor do site de CartaCapital.

Compartilhar postagem