CartaExpressa

Internações por Covid-19 mais que dobram em três hospitais privados de São Paulo

No Hospital Israelita Albert Einstein, a alta foi de 707%, passando de 14 pacientes internados em dezembro para 99 até a quinta-feira

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

As internações por Covid-19 mais do que dobraram em ao menos três hospitais privados na cidade de São Paulo em comparação com o final do ano passado.

No Hospital Israelita Albert Einstein, a alta foi de 707%. A unidade informou que no dia 31 de dezembro 14 pacientes estavam internados por Covid-19, sendo 11 deles em leitos clínicos e três em unidades de terapia intensiva (UTI). Na quinta-feira 13, o número de hospitalizados saltou para 99. Do total, são 81 em apartamentos e 18 em unidades de terapia intensiva e semi-intensiva. Três pacientes estão entubados.

O Hospital Sírio-Libanês informou que, no dia 31 de dezembro, as unidades de São Paulo tinham 27 pacientes internados com Covid-19, sendo 22 pacientes em enfermaria e outros cinco em leitos de UTI. O número foi para 67 de acordo com balanço feito na quarta-feira, sendo 11 deles em UTI.

A Rede D’Or São Luiz também informou que seus hospitais na Grande São Paulo estão, em média, com um volume de atendimento em seus prontos-socorros 50% maior do que o habitual em semanas anteriores.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!