CartaExpressa

Gleisi Hoffmann: Ciro Gomes tenta ser terceira via há muito tempo

Gleisi Hoffmann: Ciro Gomes tenta ser terceira via há muito tempo

Presidenta do PT disse que é preciso acabar com a falsa discussão de polarização: 'Somos do campo democrático. Muito diferente de Bolsonaro'

(Foto: Agência Câmara)

(Foto: Agência Câmara)

A presidenta nacional do PT, Gleisi Hoffmann, afirmou nesta sexta-feira 16 que “não existe essa coisa de construir uma terceira via”, que seria formada por candidatos opositores ao presidente Jair Bolsonaro e ao ex-presidente Lula.

“Para ter candidato, precisa ter liderança preparada e projeto claro para o Brasil. Esse pessoal que está querendo lançar candidaturas [terceira via] tem que lançar projeto para o povo, acho que eles não têm projeto muito claro. Quem fala de terceira via é o mesmo do Bolsonaro, mesma política econômica, reforma, retirada de direitos”, pontuou.

Em entrevista ao UOL, a deputada federal disse ainda que é preciso acabar com a falsa discussão de polarização extremada.

“Uma coisa é polarização política, outra coisa é extremista. Podemos ser radicais no sentido de defender a raiz do que a gente acredita, defender os direitos do povo. A terceira via é uma tentativa que se faz há muito tempo no Brasil. O Ciro [Gomes] tenta isso há muito tempo, ser uma alternativa”, declarou.

“Ao dizer que [a política brasileira] tem extremos estão querendo colocar o PT e o presidente Lula como extremados. Não é verdade. Somos do campo democrático. Muito diferente de Bolsonaro, que está no campo do fascismo, do extremismo. Não somos polo disso, somos polo da política”, acrescentou.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem