CartaExpressa

Gilmar: ‘Moro, o Russo, criou seu próprio Código de Processo Penal’

Ministro do STF também responsabilizou parte da imprensa pela postura dos procuradores e do ex-juiz

Gilmar Mendes e Sergio Moro. Fotos: Nelson Jr./STF e José Cruz/Agência Brasil
Gilmar Mendes e Sergio Moro. Fotos: Nelson Jr./STF e José Cruz/Agência Brasil
Apoie Siga-nos no

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, voltou a criticar, nesta terça-feira 9, a proximidade entre os procuradores da força-tarefa da Lava Jato e o ex-juiz Sergio Moro, na esteira da divulgação de novos diálogos obtidos pela Operação Spoofing.

“O Russo, que é o Moro, segundo eles afirmam, criou o seu próprio Código de Processo Penal, que eles chamam de Código de Processo Penal da Rússia. Sabiam que estavam fazendo uma coisa errada, mas fizeram com o sentimento de que tudo estava coberto”, afirmou o ministro em entrevista ao site Jota.

Gilmar também apontou a responsabilidade de parte da imprensa brasileira pelo comportamento dos procuradores, sob a chefia de Deltan Dallagnol. Isso, porém, não afasta a responsabilidade do Judiciário, incluindo o STF, segundo o ministro.

“Aí também vem um papel da mídia. Isso não teria ocorrido sem a participação da mídia e sem a cobertura… No sentido mais chulo da expressão, [sem] a bandagem que se ofereceu, isso não teria ocorrido”, acrescentou Gilmar. “Tudo o que foi revelado nos enche de constrangimento”.

CartaCapital
Há 27 anos, a principal referência em jornalismo progressista no Brasil.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.