CartaExpressa

Carlos Bolsonaro publica fake news sobre ‘lancha de Lula’

Publicação que diz que o petista está de férias em uma lancha de R$ 6 milhões já foi desmentida por Lula; embarcação não tem relação com o ex-presidente

O vereador Carlos Bolsonaro. Foto: Reprodução/Twitter
O vereador Carlos Bolsonaro. Foto: Reprodução/Twitter

O vereador e filho do presidente, Carlos Bolsonaro, publicou nesta quarta-feira 12 uma nova notícia falsa para atacar o ex-presidente Lula (PT). Dessa vez, o político, apontado como chefe do gabinete do ódio, afirmou que o petista estaria de férias em uma lancha de 6 milhões de reais. Após a publicação de Carlos, a fake news passou a circular entre perfis e sites bolsonaristas, que afirmam que o ex-presidente estaria em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro.

“Nenhum dos arautos questionará mais essa coincidência do descondenado estar passando férias em iate chamado LULALU, que possivelmente custa mais de R$ 6 milhões, além de estar aglomerando e sem máscara?”, questionou o filho do presidente em suas redes sociais. “De quem seria mais esse “pedalinho” com muitos Ls? É do bem, deixa pra lá! Mas se fosse outro você já sabe!”, acrescentou Carlos em outra postagem.

A acusação foi desmentida pela assessoria do petista, que informou que a embarcação não tem nenhuma relação com Lula. A embarcação, de acordo com as notícias falsas compartilhadas por bolsonaristas, seria do filho do ex-presidente Fábio Luís Lula da Silva, o Lulinha.

“A mentira tem sido compartilhada por perfis bolsonaristas nas redes sociais com fotos de Lula e sua companheira Janja fora de contexto e outras fotos editadas de uma lancha qualquer. As fotos não provam absolutamente e o boato da lancha do Lulinha (assim como dos outros incontáveis bens que inventam para ele) já foram desmentidos”, diz a assessoria de Lula em nota.

“O site boatos.org, que já desmentiu muitas notícias falsas sobre Lula buscou ‘lanchas Lulalu’ e encontrou referências na Bahia, bem longe de Angra, e nada relacionadas ao ex-presidente”, acrescenta o texto.

Ainda de acordo com a assessoria do ex-presidente, o objetivo da notícia falsa criada por Carlos seria desviar o foco da ‘total incapacidade de Bolsonaro para governar o País’.

“Nunca é demais lembrar que Bolsonaro é viciado em mentir. Ele mesmo já admitiu que as fake news fazem parte de sua vida (ele construiu toda a sua campanha em cima delas, em 2018)”, conclui a publicação do petista.

A mensagem ainda ressalta que, segundo o levantamento da agência de checagem de notícias Aos Fatos, Bolsonaro deu, em média, 7 declarações falsas por dia em 2021, somando um total de 2.516 mentiras em apenas um ano.

Apesar de falsa, a publicação de Carlos Bolsonaro segue no ar.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!