CartaExpressa,Política

Bolsonaro usou verba parlamentar para pagar viagens dos filhos, revela livro

Bolsonaro usou verba parlamentar para pagar viagens dos filhos, revela livro

'Nas Asas da Mamata' mostra ainda que Bolsonaro fez carreira e patrimônio com regalias dos seus mandatos como deputado

O clã Bolsonaro.

(Foto: Roberto Jayme/ASCOM)

O clã Bolsonaro. (Foto: Roberto Jayme/ASCOM)

O presidente Jair Bolsonaro, ainda quando era deputado federal, usou verba do seu gabinete para pagar viagens de quatro dos seus filhos: o senador Flávio, o deputado Eduardo, o vereador Carlos e Jair Renan. É o que revela o livro Nas Asas da Mamata que foi lançado nesta semana pela editora Matrix.

A obra, escrita por Eduardo Militão, Eumano Silva, Lúcio Lambranho e Edson Sardinha, também relata que o presidente pagou a lua de mel, com Michelle Bolsonaro, com dinheiro da Câmara dos Deputados.

De acordo com os autores, Flávio Bolsonaro e Carlos já exerciam cargos eletivos e rendimentos próprios quando repassaram as faturas das viagens particulares para os cofres do Congresso.

Em julho de 2008, durante o recesso na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, o então deputado estadual Flávio visitou Florianópolis (SC) e, logo após, foi a Porto Alegre. Os dois trechos custaram 948 reais, incluindo as taxas de embarque.

No mesmo ano, em dezembro, o vereador Carlos foi a Fortaleza (CE) acompanhado com por uma mulher não identificada no livro. O saldo ficou em 1.017 reais.

Entre 2007 e 2008, os três filhos mais velhos de Bolsonaro fizeram pelo menos mais cinco viagens com dinheiro público no circuito Rio, São Paulo e Brasília, ao custo de 2.344 reais.

A verba também foi usada para pagar passeio de Léo Índio, primo dos filhos do presidente. Em 25 de setembro de 2007, ele viajou com Carlos para Brasília. A Câmara dependeu 1.138 reais com as passagens de ida e volta.

Já Jair Renan, o4, fez voo com dinheiro público acompanhado da mãe, Ana Cristina Valle. Segundo o livro, o trajeto foi Brasília-Rio, pela Gol, e saiu ao custo de 1.100 reais aproximadamente.

Nas Asas da Mamata mostra ainda que Bolsonaro fez carreira e patrimônio com regalias dos seus mandatos como parlamentar federal.

Responda nossa pesquisa e nos ajude a entender o que nossos leitores esperam de CartaCapital

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem