CartaExpressa

Bolsonaro publica nomeações e oficializa ‘reforma ministerial’

Bolsonaro publica nomeações e oficializa ‘reforma ministerial’

Com a publicação, mudanças anunciadas nos últimos dias passam a valer a partir desta quarta-feira 28

Bolsonaro publica nomeações e oficializa ‘reforma ministerial’

O presidente Jair Bolsonaro oficializou nesta quarta-feira 28 a ‘reforma ministerial’ anunciada nos últimos dias. A formalização ocorreu com a publicação das nomeações e recriação do Ministério do Trabalho no Diário Oficial da União, o DOU.

Ciro Nogueira (PP-PI) oficialmente passa a ocupar o cargo de ministro-chefe da Casa Civil, cargo mais importante do governo. A nomeação torna definitiva a vitória do Centrão na disputa contra os militares pelo cargo.

Já o general Luiz Eduardo Ramos também teve seu novo cargo publicado no DOU e passa a ser o ocupante da Secretaria-Geral do governo federal a partir desta quarta.

Na publicação, Bolsonaro também oficializou a recriação do Ministério do Trabalho e Previdência e entregou a pasta a Onyx Lorenzoni, como já havia anunciado. A recriação reduz poderes do ‘superministério’ da Economia, comandado por Paulo Guedes.

A recriação também aumenta oficialmente o número de ministérios para 23, bem distante da promessa de campanha de Bolsonaro que era ter apenas 15 pastas no governo.

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Repórter do site de CartaCapital

Compartilhar postagem