CartaExpressa

Achávamos que a pandemia estava acabando. Foi um engano, admite Guedes

Achávamos que a pandemia estava acabando. Foi um engano, admite Guedes

'Não se vislumbrou a continuidade bem como o recrudescimento da pandemia da Covid-19 no patamar atingido', confirmou

MINISTRO PAULO GUEDES. FOTO: VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL

MINISTRO PAULO GUEDES. FOTO: VALTER CAMPANATO/AGÊNCIA BRASIL

O ministro da Economia, Paulo Guedes, admitiu nesta terça-feira 1 que a pasta comandada por ele cometeu “um engano” ao não prever a continuidade da pandemia após 2020. A informação é do jornal O Estado de S. Paulo.

“Achávamos que a pandemia estava acabando não por má-fé, foi um engano”, afirmou  à CPI da Covid, por meio de ofício.

No documento, o ministro justificou o motivo para o não envio de recursos específicos para o combate à pandemia no Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) de 2021.

“Não se vislumbrou a continuidade bem como o recrudescimento da pandemia da Covid-19 no patamar atingido em 2021”, disse.

Junte-se ao grupo de CartaCapital no Telegram

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem