Sociedade

Racismo

SBT contrata apresentador que chamou a cantora Ludmilla de "macaca"

por Redação — publicado 13/02/2017 17h04, última modificação 14/02/2017 01h20
"Lutei muito para isso", disse Marcão do Povo após assinar o contrato. Ele foi demitido da TV Record em janeiro após comentários racistas
Marcao-SBT

Marcão do Povo sobre Ludmilla, em janeiro: "Era pobre e macaca"

O jornalista Marcão do Povo, demitido da TV Record em janeiro após se referir à cantora Ludmilla como “macaca”, foi contratado nesta segunda-feira 13 pelo SBT. “Era o meu grande sonho. Cresci vendo o SBT, que é uma emissora com a cara da família brasileira, a cara do Brasil. Lutei muito para isso, estou muito feliz”, disse Marcão, segundo nota enviada pelo SBT.

O apresentador foi demitido da TV Record Brasília no dia 18 de janeiro, após a repercussão de seus comentários racistas. Ele comentava no Balanço Geral DF uma notícia sobre Ludmilla supostamente ter evitado fotos com fãs. "É uma coisa que não dá para entender. Era pobre e macaca. Pobre, mas pobre mesmo”, disse o apresentador. “Eu sempre falo... eu era pobre e macaco também", continuou, tentando consertar a ofensa.

Na ocasião, Ludmilla afirmou que se sentia desrespeitada e prometeu tomar medidas legais contra Marcão do Povo.

“Infelizmente, ainda existem pessoas que não compreendem que a discriminação racial é crime e alguns ainda usam o espaço na mídia para noticiar mentiras a meu respeito, ofender, menosprezar e propagar todo o seu ódio. Não deixaremos impunes tais atos, trata se de um desrespeito absurdo, vergonhoso”, escreveu nas redes sociais. “Isso tem que ser combatido e farei a minha parte, quantas vezes for necessário”. 

registrado em: , ,