Saúde

assine e leia

Recompensa por seguir a ciência

A região Nordeste rejeitou o negacionismo e ostenta as menores taxas de contágio e óbitos por Covid do Brasil

O Maranhão investiu na assistência das comunidades indígenas – Imagem: Secretaria da Saúde do Estado do Maranhão/GOVMA
O Maranhão investiu na assistência das comunidades indígenas – Imagem: Secretaria da Saúde do Estado do Maranhão/GOVMA
Apoie Siga-nos no

Com cerca de 60 milhões de habitantes, o Nordeste é a região com o menor número de infecções e óbitos por ­Covid-19 do País. Na quarta-feira 2, quando o acumulado nacional registrava 628 mil mortes e 25,6 milhões de casos em quase dois anos de pandemia, o Nordeste atingia a casa de 121.876 mortos e 5,4 milhões de pessoas infectadas pelo Coronavírus, o que significa menos de 20% da estatística nacional, bem abaixo dos 27,5% que os nordestinos representam da população total do Brasil. Em outra comparação, é possível afirmar que o ­País se aproxima de 295 óbitos por 100 mil habitantes, enquanto, no Nordeste, esse cálculo gira em torno de 200 mortes.

Segundo dados do Conselho Nacional de Secretários de Saúde, a situação mais crítica é a do Centro-Oeste, que lidera o número de mortes por 100 mil habitantes e disputa com o Sul a maior quantidade de infectados. O Sul e o Sudeste brigam pela segunda colocação entre os óbitos e o Norte e o Sudeste estão com dados semelhantes em relação ao número de infectados.

Fabíola Mendonça
Repórter correspondente de CartaCapital em Pernambuco

Tags: , , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.