Sociedade

Operação de resgate é encerrada em Recife com balanço de 128 mortos

O último corpo encontrado, de uma mulher soterrada na cidade de Camaragibe foi recuperado na manhã desta sexta-feira

Foto: SERGIO MARANHAO / AFP
Foto: SERGIO MARANHAO / AFP
Apoie Siga-nos no

Os socorristas encerraram nesta sexta-feira 3 as buscas por vítimas das inundações e deslizamentos de terra em Pernambuco, após encontrar o corpo da última pessoa reportada como desaparecida, que elevou o número de mortos para 128, informaram as autoridades.

Vários dias de intensas chuvas nos últimos dias de maio nos arredores de Recife arrasaram a região.

O último corpo encontrado, de uma mulher soterrada na cidade de Camaragibe foi recuperado na manhã desta sexta-feira.

“Hoje encerramos as buscas pelas pessoas desaparecidas. Quero prestar minha solidariedade aos familiares das 128 vítimas e informar que estamos decretando luto oficial de três dias, em memória dessas pessoas”, disse o governador Paulo Câmara, citado em uma nota oficial. Entre os mortos havia 32 crianças.

O governador anunciou também uma ajuda de 1.500 reais para cada uma das 82 mil famílias que perderam suas casas no desastre.

O Brasil sofreu uma série de temporais que deixaram centenas de vítimas nos últimos meses, atribuídos por especialistas à mudança climática.

As comunidades pobres, especialmente nas encostas de morros, são as mais afetadas.

Em fevereiro, 233 pessoas morreram devido a inundações e deslizamentos na cidade histórica de Petrópolis, no estado do Rio de Janeiro.

No mês anterior, as chuvas deixaram ao menos outras 28 vítimas no sudeste, a maioria no estado de São Paulo.

AFP

AFP
Agência de notícias francesa, uma das maiores do mundo. Fundada em 1835, como Agência Havas.

Tags: , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.