Parceiros

Palmeiras e Flamengo disputam império do futebol brasileiro

Clubes concentram um quarto das receitas somadas de 27 times da elite do futebol brasileiro

Apoie Siga-nos no

Palmeiras e Flamengo ampliam império concentrando um quarto das receitas somadas de 27 clubes da elite do futebol brasileiro. Os dois alcançaram R$ 1,190 bilhão dos R$ 5,162 bilhões do total arrecadado– 23% desse valor, diz estudo do banco Itaú BBA divulgado nesta terça-feira (16/7). Se toda essa dinheirama for traduzida em desempenho dentro de […]

O post Palmeiras e Flamengo disputam império do futebol brasileiro apareceu primeiro em Chuteira FC.

Carta Capital

Carta Capital

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.