Mais de 60 milhões de indianos podem ter contraído a Covid-19, diz estudo

Segundo os dados oficiais, a Índia tem 6,1 milhões de casos entre 1,3 bilhão de habitantes

Taj Mahal reabriu para a visita de turistas na Índia em 21 de setembro. Foto: 
Sajjad HUSSAIN/AFP

Taj Mahal reabriu para a visita de turistas na Índia em 21 de setembro. Foto: Sajjad HUSSAIN/AFP

Mundo,Saúde

Mais de 60 milhões de indianos podem ter se contagiado com o coronavírus, o que significa dez vezes mais que os números oficiais, anunciaram as autoridades médicas encarregadas da pandemia nesta terça-feira 29, citando um estudo nacional baseado em testes sorológicos que medem os anticorpos.

 

Segundo os dados oficiais, a Índia tem 6,1 milhões de casos entre 1,3 bilhão de habitantes, o que a torna o segundo país mais afetado pela pandemia no mundo, atrás dos Estados Unidos.

Mas o exame de sangue realizado em 29 mil pessoas em 21 estados do país, entre meados de agosto e meados de setembro, mostram que o número de infectados pode ser muito maior.

Os resultados apontam que a exposição ao vírus era muito maior entre as pessoas que foram testadas nos bairros pobres das áreas urbanas (15,6%) e de outras áreas urbanas (8,2%), do que nas regiões rurais (4,4).

Os primeiros resultados da análise sorológico revelaram que 0,73% dos adultos na Índia, ou seja, cerca de 6 milhões de pessoas, estiveram expostos ao vírus antes de maio.

A Índia levantou progressivamente as medidas rigorosas de confinamento que impôs em março para tentar salvar sua economia.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Agência de notícias francesa, uma das maiores do mundo. Fundada em 1835, como Agência Havas.

Compartilhar postagem