Auxílio de R$ 600 a informais é publicado no Diário Oficial da União

Projeto já havia sido aprovado na Câmara na semana passada

Entregadores de aplicativo aguardam pedidos em praça na cidade de São Paulo (Foto: Roberto Parizotti / Fotos Públicas)

Entregadores de aplicativo aguardam pedidos em praça na cidade de São Paulo (Foto: Roberto Parizotti / Fotos Públicas)

Política,Saúde

O governo federal publicou, nesta quinta-feira 2, em edição extra do Diário Oficial da União, a lei que garante um auxílio de 600 reais por mês a trabalhadores informais, por três meses. A medida foi lançada para aliviar a crise econômica provocada pelas quarentenas, decretadas como forma de contenção da pandemia de coronavírus.

Faz uma semana que o projeto foi aprovado na Câmara dos Deputados. Na segunda-feira 30, ele passou no Senado Federal, e demorou mais três dias para receber a sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Segundo o Palácio do Planalto, a espera ocorreu para a finalização de uma Medida Provisória que indicaria de onde sairia o dinheiro. A MP também foi publicada. Bolsonaro diz que o auxílio vai beneficiar 54 milhões e deve custar 98 bilhões de reais em verbas públicas.

O auxílio será limitado a duas pessoas da mesma família. A trabalhadora informal que for mãe e chefe de família terá direito a duas cotas, equivalentes a 1,2 mil reais.

No início, o Ministério da Economia queria conceder apenas 200 reais aos trabalhadores informais, mas o valor foi elevado após debates no Congresso Nacional.

 

 

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!

Compartilhar postagem