Mundo

Premiê britânico se manifesta sobre desaparecimento de jornalista no Brasil

Segundo Boris Johnson, autoridades do Reino Unido estão em contato com as do Brasil para tratar do caso

O Primeiro-ministro britânico, Boris Johnson. Foto: JOHN SIBLEY/POOL/AFP
O Primeiro-ministro britânico, Boris Johnson. Foto: JOHN SIBLEY/POOL/AFP
Apoie Siga-nos no

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, comentou nesta quarta-feira, 15, sobre o desaparecimento do repórter britânico Dom Phillips no Brasil. Durante audiência no Parlamento em Londres, Johnson se disse “profundamente preocupado com o que pode ter ocorrido” com o jornalista.

Segundo Johnson, autoridades do Reino Unido estão em contato com as do Brasil para tratar do caso. “Dizemos ao Brasil que estamos prontos a prover todo o apoio que eles possam precisar”, afirmou o premiê.

Phillips e o indigenista Bruno Pereira completaram na terça-feira dez dias de desaparecimento, em meio a buscas em andamento da dupla.

Também na terça-feira, foi informado que mais um suspeito pelo sumiço da dupla foi preso.

Estadão Conteúdo

Estadão Conteúdo

Tags: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor...

Apoiar o bom jornalismo nunca foi tão importante

Obrigado por ter chegado até aqui. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, que chama as coisas pelo nome. E sempre alicerçado em dados e fontes confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se este combate também é importante para você, junte-se a nós! Contribua, com o quanto que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo completo de CartaCapital.