Política

Pela 1ª vez, Pelegrino aparece à frente de ACM Neto em Salvador

Em duas semanas, petista subiu sete pontos, enquanto o candidato do DEM perdeu oito

Uma pesquisa Ibope encomendada pela TV Globo e divulgada nesta quinta-feira 27 mostra, pela primeira vez, o candidato do PT, Nelson Pelegrino, numericamente à frente de ACM Neto (DEM) na corrida eleitoral em Salvador. De acordo com os números, o petista tem 34% das intenções de voto, contra 31% do democrata. Como a margem de erro é de três pontos percentuais para cima ou para baixo, os dois estão tecnicamente empatados.

Segundo o Datafolha, Pelegrino subiu de 27% para 34% desde a última pesquisa do instituto, divulgada em 13 de setembro. ACM Neto, por sua vez, caiu de 39% para 31% no mesmo período. Mário Kertész (PMDB) e Márcio Marinho (PRB) oscilaram um ponto para cima, agora têm 7% e 4% respectivamente, e parecem não ter mais chances de ir ao segundo turno.

Confira os dados da pesquisa:

Pelegrino (PT) – 34%


ACM Neto (DEM) – 31%


Mário Kertész (PMDB) – 7%


Márcio Marinho (PRB) – 4%


Hamilton Assis (PSOL) – 2%


Da Luz (PRTB) – 1%


Nulos/brancos – 15%


Não sabe/Não respondeu – 6%

As taxas de rejeição dos candidatos em Salvador continuam altas, sinal de uma disputa cada vez mais polarizada. ACM Neto tem 35% de rejeição, contra 30% de Pelegrino. O candidato mais rejeitado é Da Luz (PRTB), com 38%.

A pesquisa foi realizada entre 24 e 26 de setembro de 2012 e contou com entrevistas de 805 pessoas. O levantamento está registrado sob o número 00236/2012 no TRE/BA.

Uma pesquisa Ibope encomendada pela TV Globo e divulgada nesta quinta-feira 27 mostra, pela primeira vez, o candidato do PT, Nelson Pelegrino, numericamente à frente de ACM Neto (DEM) na corrida eleitoral em Salvador. De acordo com os números, o petista tem 34% das intenções de voto, contra 31% do democrata. Como a margem de erro é de três pontos percentuais para cima ou para baixo, os dois estão tecnicamente empatados.

Segundo o Datafolha, Pelegrino subiu de 27% para 34% desde a última pesquisa do instituto, divulgada em 13 de setembro. ACM Neto, por sua vez, caiu de 39% para 31% no mesmo período. Mário Kertész (PMDB) e Márcio Marinho (PRB) oscilaram um ponto para cima, agora têm 7% e 4% respectivamente, e parecem não ter mais chances de ir ao segundo turno.

Confira os dados da pesquisa:

Pelegrino (PT) – 34%


ACM Neto (DEM) – 31%


Mário Kertész (PMDB) – 7%


Márcio Marinho (PRB) – 4%


Hamilton Assis (PSOL) – 2%


Da Luz (PRTB) – 1%


Nulos/brancos – 15%


Não sabe/Não respondeu – 6%

As taxas de rejeição dos candidatos em Salvador continuam altas, sinal de uma disputa cada vez mais polarizada. ACM Neto tem 35% de rejeição, contra 30% de Pelegrino. O candidato mais rejeitado é Da Luz (PRTB), com 38%.

A pesquisa foi realizada entre 24 e 26 de setembro de 2012 e contou com entrevistas de 805 pessoas. O levantamento está registrado sob o número 00236/2012 no TRE/BA.

Assine nossa newsletter

Receba conteúdos exclusivos direto na sua caixa de entrada.

Um minuto, por favor...

Obrigado por ter chegado até aqui. Combater a desinformação, as mentiras e os ataques às instituições custa tempo e dinheiro. Nós, da CartaCapital, temos o compromisso diário de levar até os leitores um jornalismo crítico, alicerçado em dados e fonte confiáveis. Acreditamos que este seja o melhor antídoto contra as fake news e o extremismo que ameaçam a liberdade e a democracia.

Se você acredita no nosso trabalho, junte-se a nós. Apoie, da maneira que puder. Ou assine e tenha acesso ao conteúdo integral de CartaCapital!