Política

Ministro confirma Marcio Pochmann na presidência do IBGE

O economista substituirá Cimar Azeredo, que está interinamente à frente do Instituto desde o início de janeiro

O economista Marcio Pochmann. Foto: Pedro França/Agência Senado
Apoie Siga-nos no

O governo federal confirmou nesta quarta-feira 26 que Marcio Pochmann será o próximo presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. O anúncio partiu do ministro da Secretaria de Comunicação Social da Presidência, Paulo Pimenta.

O economista é ex-presidente da Fundação Perseu Abramo e do Ipea e professor titular da Unicamp. Ele é o presidente do Instituto Lula para o triênio 2020-2023.

“Márcio Pochmann será o novo presidente do IBGE e não tem nenhum ruído quanto a isso”, disse Pimenta a jornalistas, ao deixar o Palácio da Alvorada.

Mais cedo, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, também afirmou não prever problemas caso Pochamnn fosse nomeado para comandar o IBGE.

Cimar Azeredo está interinamente à frente do IBGE desde o início de janeiro, quando Eduardo Rios Neto foi exonerado. Azeredo permanecerá no posto até a oficialização da chegada de Pochmann.

(Matéria em atualização)

ENTENDA MAIS SOBRE: , , ,

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo

Um minuto, por favor…

O bolsonarismo perdeu a batalha das urnas, mas não está morto.

Diante de um país tão dividido e arrasado, é preciso centrar esforços em uma reconstrução.

Seu apoio, leitor, será ainda mais fundamental.

Se você valoriza o bom jornalismo, ajude CartaCapital a seguir lutando por um novo Brasil.

Assine a edição semanal da revista;

Ou contribua, com o quanto puder.

Leia também

Jornalismo crítico e inteligente. Todos os dias, no seu e-mail

Assine nossa newsletter

Assine nossa newsletter e receba um boletim matinal exclusivo